Encanto

Quando achei que não poderia mais me surpreender, a autora vem com uma tremenda reviravolta me fazendo desconfiar por várias vezes de Ryan. Os personagens assim como no livro anterior estão muito bem construídos e Annabelle teve uma ótima evolução. A narrativa continua fluída e bem dinâmica, tanto que você nem sente que está chegando no final do livro e ansiando por mais.


Cores de Outono

O INESPERADO, O IMPOSSÍVEL, O DESTINO… Quem ama escolhe seus caminhos, vence o medo, ultrapassa a razão, duela com a dúvida entre o certo e o fácil para seguir seu coração.


Luz de Inverno

Cores: uma história que ganhou vida em palavras; almejou o impossível, encantou e emocionou leitores, chega ao seu final. No último volume da trilogia, a verdade chegará iluminada por confrontos decisivos. O amor de Melissa e Vincent se fortalece, mas sua união desperta o interesse pelo poder. Esta herança promete ser o novo alicerce para o Mundo Mágico, a diferença entre vitória e derrota… O desejo de que o futuro seja apenas o começo.


Magia

A impressão que eu tive durante toda a leitura era a de que uma garota de 16 anos estava conversando comigo… A maneira como Belle descreve sua vida é bem casual, com um linguajar característico da faixa etária dela. A autora não pecou em nada ao fazer Annabelle assim, a gente se sente a vontade e até relembra como nós éramos quando tínhamos a mesma idade que a personagem. Jéssica também constrói uma dimensão mágica, paralela a nossa, que demonstra ser maravilhosa e encantadora, com direito a Rainha dos Bruxos bondosa, varinhas mágicas e vassouras voadoras. Nos faz querer estar lá também.